Membros

Lembrar de mim

Definem esquema de segurança

Juiz Eleitoral e 24 BPM

  • Atualmente 0.00/5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Avaliação: 0.0 de 0 votes
You need to have the Flash Player installed and a browser with JavaScript support.
Submetido por: Carlos | Programa: Eleições 2012 | Visualizações: 3627 | Comentários: 0
Luzes Desligadas

Descrição

Esquema para dia da eleição foi definido entre BM e Cartório Eleitoral

Reunião entre juízes eleitorais e brigadianos definiu esquema de segurança | Foto: Divulgação / 24º BPM / OA

No próximo domingo, quando mais de 138 mil alvoradenses irão às urnas escolher o futuro prefeito e seus vereadores, cerca de 60 homens da Brigada Militar estarão realizando a segurança das mais de 380 seções eleitorais, divididas em 44 locais de votação pela cidade.

• Confira o site especial Eleições 2012

O esquema de segurança foi definido no final da semana passada pelo Cartório Eleitoral e o comando do 24º Batalhão da Brigada Militar (BPM). Na reunião, que contou com a participação de 40 brigadianos, detalhes sobre como proceder no dia do pleito foram repassados ao efetivo.

Segundo o Tenente Coronel Júlio César Rocha Lopes, além da segurança nos locais de votação, o restante do efetivo estará envolvido com a patrulha ostensiva. Folgas e férias foram suspensas para garantir o maior número possível de brigadianos na rua.

Quem for pego realizando boca de urna no domingo, dia 7, será encaminhado pelos policiais ao Fórum para que seja registrado o Termo Circunstânciado, já que crimes desta natureza são considerados de menor poder ofensivo. Segundo o Juiz Eleitoral Roberto Coutinho Borba, a intenção é realizar as audiências o mais rápido possível. Para isso, ainda no domingo haverão duas seções de audiência, uma programada para as 12h, e outra para as 15h. Quem for flagrado cometendo algum delito a partir das 15h não será encaminhado ao Fórum, mas no mesmo dia já terá ciência de quando deve ocorrer sua audiência.

Já para crimes de maior gravidade, como transporte irregular de eleitores e compra de votos, os policiais deverão encaminhar os infratores para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), onde o delegado de plantão encaminhará cada caso. Menores de idade praticando crimes eleitorais também deverão ser levados para a DPPA.

Fonte: O Alvoradense


Tags


Coloque seu comentário









* Por favor, mantenha seus comentários curtos. Max 400 caractéres.


Comentários

Seja o primeiro a comentar este vídeo.